Meninas, as nossas marquinhas lado B estão sempre surpreendendo na ousadia das cores. Vejam que coisa mais linda é o Maria Antonieta da La Pogee! O brilho e a pigmentação são excelentes e o esmalte só precisou de duas camadas.

Maria Antonieta da La Pogee. Detalhe pitoresco: a embalagem, sei lá por que, diz "metálico"!

Maria Antonieta da La Pogee. Detalhe pitoresco: a embalagem, sei lá por que, diz “metálico”!

Um esmalte como esse substitui com perfeição dois irmãozinhos importados: o Timbleberry (alguns lotes vieram com o nome errado de Thimbleberry, vai entender…) da Sinful Colors e o High Hopes da China Glaze.

O Maria Antonieta é um pouquinho mais claro. Todos três têm uma gotinha de neon, bem de longe.

O Maria Antonieta é um pouquinho mais claro. Todos três têm uma gotinha de neon, bem de longe.

Ninguém precisa recorrer a importados para ter cores bonitas. Claro que um lançamento internacional é sempre uma novidade e algumas marcas estrangeiras têm fórmulas insuperáveis (e 100% hipoalergênicas) mas quem quer uma cor alegre só para se divertir vai ficar muito feliz com o seu esmaltinho lado B. Eu sou fã dos OPIs da vida muito mais por causa da fórmula hipolergênica, da durabilidade e do pincel do que pelas cores em si.

1: Maria Antonieta da La Pogee; 2: High Hopes da China Glaze e 3: Timbleberry da Sinful Colors

1: Maria Antonieta da La Pogee; 2: High Hopes da China Glaze e 3: Timbleberry da Sinful Colors

A fórmula do La Pogee não chega a ser tão boa quanto a do High Hopes mas é bem melhor do que a do Timbleberry. Recomendo!